fbpx
atração e retenção de talentos

Veja 4 dicas de como fazer a atração e retenção de talentos!

Recrutamento Digital: tudo que você precisa saber em um só lugar!

Passando pelo feed do LinkedIn, você se depara constantemente com postagens de colaboradores felizes e orgulhosos por completarem mais um ano em seus empregos. E embora saiba da importância da atração e retenção de talentos, não consegue fazer o mesmo pela sua empresa.

Se identifica com a situação? Esse problema faz parte da sua rotina? Quer reduzir o turnover? Vamos ajudar você a resolver. Confira dicas valiosas para mudar essa realidade!

Impactos negativos de uma contratação errada

A atração e a retenção de talentos estão diretamente relacionadas com a contratação dos colaboradores.

Processos seletivos ineficientes resultam em escolhas inadequadas. Quando acertam na escolha de um bom profissional, a falta de investimentos em capital humano acaba fazendo com que o novo contratado procure outra oportunidade de trabalho.

Ao ver seus colegas indo embora, aqueles que permanecem com você perdem em produtividade, ficam desmotivados e com receio de ser o próximo.

Além disso, a empresa perde dinheiro, pois processos seletivos, contratações e demissões consomem recursos financeiros e de tempo. Prejuízo por todos os lados!

Dicas para ter um bom processo de atração e retenção de talentos

Se você já tem experimentado os problemas acima ou tem receio que em breve eles apareçam — pois o turnover está preocupando você —, veja nossas dicas para melhorar a atração e retenção de talentos.

1. Tenha clareza no perfil do colaborador

Para contratar o colaborador certo, para o cargo certo, e com o perfil alinhado à cultura da empresa, é fundamental ter em mente as competências e habilidades profissionais e comportamentais exigidas pelo cargo em questão.

As etapas dos processos de recrutamento e seleção devem contemplar a avaliação comportamental, um recurso psicológico que revela se o candidato realmente pode atender às expectativas do negócio.

Planilha de recrutamento

2. Invista em employer branding

Quando traduzido, o termo employer branding significa marca empregadora. Como a sua empresa é vista pelo mercado nessa posição? Qual a fama do negócio?

Não há nada pior para a atração de talentos do que ser a empresa onde “ninguém para”, que “paga pouco” ou que “não tem benefícios”.

A valorização dos colaboradores é o ponto crucial no posicionamento da empresa perante o mercado. Investimento em processos seletivos de qualidade, plano de carreira e programas de benefícios e incentivos é uma das chaves que abre as portas da retenção.

3. Ofereça programas de desenvolvimento

Empresas que valorizam os colaboradores também mostram que têm interesse no seu desenvolvimento.

Palestras, cursos, convênios com faculdades, reuniões, workshops e técnicas inovadoras, como a gamificação, ajudam os profissionais a evoluírem. Ao notar que a empresa tem interesse na sua evolução, passam a se interessar pelo negócio também.

4. Tenha clareza sobre os valores e a cultura da empresa

Para aplicar as dicas trazidas até aqui, a empresa deve ter uma cultura organizacional bem definida.

Quando sua missão, visão e seus valores são conhecidos, fica mais fácil encontrar um profissional com os valores alinhados aos do negócio.

O mapeamento de competências do colaborador só pode ser eficiente quando a organização sabe os seus valores e o que buscar em um candidato.

Encerramos nosso artigo por aqui. Esperamos que você tenha identificado as lacunas da sua empresa na atração e retenção de talentos, para aplicar as dicas que compartilhamos com mais facilidade.

Agora, que tal explorar novos conceitos na organização? É isso o que a gente mostra para você no conteúdo sobre diversidade na empresa.

Guia completo para a otimização de processos de recrutamento

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa