fbpx

Contratação data-driven: entenda o que é, como aplicar e as vantagens

O processo de contratação de novos talentos é essencial ao reforço das equipes de trabalho e melhoria do desempenho da organização. No entanto, para que esse processo seja bem-sucedido, não dá para ficar no achismo. É preciso apostar na contratação data-driven.

Nos últimos 20 anos, a ideia de uma gestão de pessoas orientada para dados ganhou destaque. Há muitas explicações para isso, sobretudo porque garante que as decisões sejam mais eficazes e promovam resultados superiores para todos os envolvidos.

Nos tópicos seguintes, nos aprofundamos nos assuntos. Explicamos o que é contratação data-driven, como aplicá-la e quais suas principais vantagens. Continue sua leitura.

Afinal, o que é contratação data-driven?

Por muito tempo, o processo de contratação foi bastante intuitivo. O candidato participava de algumas dinâmicas e entrevistas, depois o gestor de RH e líder de equipe decidiam sobre sua aquisição ou rejeição. Sem análises mais profundas, os erros surgiam com frequência.

Em contrapartida, a contratação data-driven consiste no uso de dados sobre os candidatos para a seleção mais acertada. São dados diversos, que fazem referência ao alinhamento do candidato com a empresa, sua pontuação em determinados testes (como de proficiência em um segundo idioma) ou agilidade na execução de certas tarefas.

Comumente, esses dados são analisados em plataformas digitais e entregues na forma de métricas ou indicadores de desempenho aos profissionais de RH. Assim, torna-se possível fazer uma análise mais profunda e precisa de cada candidato a vaga de trabalho.

Planilha de recrutamento

Como aplicar a contratação data-driven?

A contratação data-driven decorre de um processo de coleta, organização e análise de dados referentes aos candidatos à vaga de trabalho. Não é um processo tão simples, mas também não é algo tão difícil. Com disposição e ferramentas certas, fica até fácil.

Primeiramente, é preciso criar uma cultura que valorize dados. Não adianta coletar dados e subestimá-los, estará apenas perdendo tempo. Essa cultura data-driven pode começar no RH, mas deve permear toda a empresa (sendo abraçada por cada um dos líderes).

Também é importante:

  • coletar dados de diversas fontes (internet, redes sociais, provas de proficiência, testes de raciocínio lógico e/ou perfil comportamental, entre outros);
  • organizar esses dados de modo que possam ser aproveitados, limpando certas imperfeições e mantendo somente o que interessa à gestão de pessoas;
  • analisar os dados no intuito de obter respostas para as principais perguntas da seleção (por exemplo: quem é digno de passar para a próxima etapa?).
  • decidir com base nos dados, reduzindo o nível de achismo da equação.

Quais os benefícios da contratação data-driven?

Existem muitos benefícios ligados ao assunto, tanto para a empresa quanto para os profissionais. Em geral, torna-se mais fácil tomar decisões acertadas, reduzir o número de problemas e garantir que o processo de contratação seja mais rápido. Outra grande vantagem está na redução de custos: com o tempo, o gestor passa a gastar menos tempo, energia e dinheiro com o processo de aquisição de talentos, o que permite que o orçamento de RH seja aproveitado em outras atividades estratégicas.

Veja, agora você está por dentro do tema. Lembre-se de que a contratação data-driven refere-se ao processo de aquisição de talentos com base em dados. Para tanto, primeiro, é preciso valorizar os dados da gestão de pessoas, também é importante saber coletar, organizar e analisar tais dados. Desse modo, todos, empresa, RH e candidatos, serão beneficiados.

Gostou do nosso artigo, certo? Aproveite para assinar nossa newsletter e receber nossas novidades diretamente em seu e-mail. Vamos lá!

Guia completo para a otimização de processos de recrutamento

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa