fbpx

Como fazer o onboarding de funcionários com o trabalho remoto?

Recrutamento Digital: tudo que você precisa saber em um só lugar!

O processo de onboarding de funcionários é muito importante, sobretudo quando se trata do trabalho remoto. Em resumo, onboarding refere-se à integração de talentos ao quadro de trabalho, que deve ocorrer de forma fluida e acertada na gestão de pessoas.

Há uma grande quantidade de benefícios ligados ao correto onboarding. A satisfação da equipe de trabalho, o alinhamento do recém-contratado, a qualidade dos processos diários e até a fidelização dos talentos. Por isso, é preciso planejá-lo e adotá-lo na empresa.

Nos tópicos seguintes, explicamos como fazer o onboarding de funcionários com trabalho remoto. Portanto, continue atentamente a sua leitura.

Alinhe as expectativas iniciais

Antes do primeiro dia de trabalho remoto, é preciso alinhar as expectativas do novo talento e da própria equipe.

Comece reunindo-se remotamente com os atuais funcionários. Explique que um novo talento fará parte do time, fale qual será o seu trabalho e como todos deverão recebê-lo. Isso é importante para não pegar o time de surpresa.

Em seguida, reúna-se com o novo contratado. Verifique se ele ainda tem alguma dúvida e explique algumas particularidades da equipe. Deixe um canal direto de atendimento, como telefone celular ou e-mail. Agende uma nova conversa para o primeiro dia de trabalho.

Deixe tudo preparado para o talento

Diferente do trabalho presencial, em que o recém-contratado tem colegas de trabalho e time de TI para solucionar problemas técnicos, o trabalho remoto demanda mais precisão. O novo colaborador deve ter acesso às senhas e recursos que permitirão seu trabalho.

Planilha de recrutamento

Portanto, reúna-se com o time de TI, explique que alguém novo está entrando e que ele precisa de permissão para determinadas funcionalidades do sistema. Acompanhe o avanço do TI e verifique com o talento se ele recebeu todas as permissões para seu trabalho.

Seja receptivo no primeiro dia de trabalho

Comece o primeiro dia de trabalho do recém-contratado com uma reunião de boas vindas. Não precisa ser muita gente, pode ser o novo talento, seu superior imediato e você.

Nessa reunião, conte um pouco mais da história da empresa, da cultura de trabalho, das rotinas diárias e sobre os objetivos futuros do empreendimento.

Deixe um bom espaço para que o líder imediato fale, explique como funciona o trabalho em equipe e, quem sabe, até apresente um ou outro colega de trabalho ao recém-contratado.

Prepare um bom kit boas-vindas

Na medida do possível, projete um kit de boas-vindas ao recém-contratado. Esse kit deve demonstrar a gratidão da empresa por ter um talento no seu quadro de trabalho, bem como transmitir a cultura organizacional.

Alguns itens básicos podem fazer parte do kit boas-bindas, como uma caneta, agenda, garrafa térmica, mousepad e uma cartilha explicando a cultura do empreendimento. Esse pequeno “mimo” pode tornar a experiência de integração única.

Veja, agora você está por dentro do assunto. Lembre-se que o onboarding é essencial ao novo talento e ao desenvolvimento do time de trabalho. Para tanto, alinhe as expectativas iniciais, deixe tudo preparado para o primeiro dia, seja receptivo e prepare o kit boas-vindas. Assim, o recém-contratado terá uma experiência única ao longo da integração.

Gostou do nosso artigo, correto? Aproveite para continuar aprendendo conosco, basta você seguir nossas redes sociais – estamos no Facebook, LinkedIn e Instagram. Vamos lá!

Guia completo para a otimização de processos de recrutamento

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa