fbpx
planejamento de processo seletivo

Planejamento de processo seletivo: 5 dicas para fazê-lo de forma efetiva

Recrutamento Digital: tudo que você precisa saber em um só lugar!

Realizar um planejamento de processo seletivo é uma missão grandiosa para o setor de Recursos Humanos, pois não é uma tarefa fácil de ser colocada em prática.

A seleção de novos colaboradores é repleta de desafios, pois envolve a definição do perfil ideal para a vaga, aplicação de testes, avaliação de fit cultural do candidato, entre outras etapas importantes.

Um processo de recrutamento e seleção bem estruturado resulta na redução de turnover, capta os talentos mais competentes, habilidosos e condizentes com a cultura da organização, além de desfrutar de resultados grandiosos para a empresa como um todo.

A seguir, saiba como planejar um processo seletivo eficiente para a sua empresa. Confira!

1. Envolva a equipe correta

A escolha dos funcionários para elaborar o planejamento é essencial para que os resultados obtenham “bons frutos”. Existem dois colaboradores ideais para contribuir no planejamento do processo seletivo:

  • o gestor da área: a pessoa que administra o grupo em que há vaga é a mais informada sobre os resultados e metas, por isso, entende sobre o perfil do colaborador mais indicado para o cargo;
  • o responsável pela cultura organizacional: o colaborador que conhece a cultura organizacional com profundidade, sabe os seus valores, os perfis adequados, consegue avaliar o fit cultural dos candidatos etc.

Além deles, outros funcionários podem ajudar em atividades diversas que o processo seletivo requer. Avalie bem quem serão essas pessoas para montar um bom time.

2. Crie um funil de recrutamento

Funil de recrutamento é o caminho que cada candidato percorre dentro do processo de recrutamento e seleção.

Planilha de recrutamento

Atualmente, o funil de recrutamento é um recurso gráfico que proporciona o acompanhamento de cada fase do processo seletivo, otimiza o recrutamento, inclui apenas as fases necessárias e ainda permite gerenciar os candidatos.

3. Defina critérios de desclassificação

Desclassificar um candidato é uma decisão delicada. Por isso, é importante uma discussão intensa sobre esse assunto para que o candidato não receba a comunicação de forma tão negativa.

Durante o planejamento do processo seletivo, a definição dos critérios de desclassificação deve ser avaliada com muita sensatez, para que o candidato permaneça com a opinião de que a organização é uma boa marca empregadora.

4. Aposte em candidate experience

Investir em candidate experience é vantajoso em diversos aspectos. Por isso, é importante não descartar os currículos dos candidatos que não foram admitidos, mas que deixaram suas marcas profissionais e pessoais positivas em um processo seletivo anterior na empresa. 

Esses candidatos têm grande oportunidade de admissão quando houver vaga disponível, independentemente do processo seletivo.

5. Organize um banco de talentos de candidatos reprovados

Após o resultado final do processo seletivo, é muito significativo para a empresa e, também, para os candidatos reprovados, que a organização tenha um banco de talentos. De certa forma, esse candidato já foi aprovado em algumas etapas, por isso, ele tem grandes chances de estar entre os candidate experience.

Por fim, para que cada planejamento do processo seletivo seja aprimorado, é importante ter métricas sobre os recrutamentos para analisar os pontos que aconteceram positivamente, assim como as melhorias que devem ser implantadas para que o talento ideal venha fazer parte da equipe futuramente.

Se você gostou do conteúdo, assine a nossa newsletter para receber mais artigos interessantes e que possam somar com o desenvolvimento da sua empresa!

Guia completo para a otimização de processos de recrutamento

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa