fbpx
recrutamento interno

O que é recrutamento interno e como estruturar na sua empresa

Recrutamento Digital: tudo que você precisa saber em um só lugar!

Todo profissional de RH já deve ter ouvido falar em recrutamento interno, certo? É o processo que ocorre quando os candidatos de um processo seletivo são colaboradores da própria empresa. Logo, a posição em aberto é preenchida por algum funcionário da organização, mas que está atuando em outro setor ou área no momento. 

Existem vários benefícios ao optar por esse método de seleção, em vez de preferir contratar um profissional “de fora”. Mas quais são eles e quando o recrutamento interno é mais vantajoso?

Essas e outras questões serão respondidas no post de hoje. Para entender melhor e obter resultados mais satisfatórios em seu trabalho, anote as recomendações deste post!

O que é recrutamento interno?

Para começar, vamos recuperar a ideia sobre o que é recrutamento. De modo geral, o processo tem como foco escolher e indicar o melhor profissional para ocupar uma determinada vaga em aberto na organização. 

Podemos dizer que existem três tipos de recrutamento:

  • o recrutamento externo;
  • o recrutamento interno;
  • o recrutamento misto. 

Como o próprio nome já indica, o modelo externo é aquele em que o time de RH busca um profissional disponível no mercado de trabalho. Já o interno envolve a procura somente dentro da organização, em outras áreas ou setores. Por fim, vem o recrutamento misto, que é quando as duas modalidades são colocadas em prática. 

Pontos básicos do recrutamento interno

Podemos dizer que o recrutamento interno é um procedimento que visa aproveitar ao máximo o chamado “capital humano” dentro de uma organização. Por isso, esse método é orientado a analisar se os funcionários têm potencial e preparo para ocupar o cargo que está em aberto. 

Para realizar a divulgação, os gestores de RH podem criar comunicados internos, estimular os colaboradores a fazer as suas inscrições ou, até mesmo, realizar entrevistas diretas com o responsável pela vaga.

Planilha de recrutamento

Como funciona o recrutamento interno?

O recrutamento interno é composto por diversas fases. Esse cuidado serve para que a equipe de RH consiga encontrar o melhor profissional para ocupar o cargo em questão. 

De todo modo — e para que esse processo seja eficiente —, é necessário que os responsáveis invistam na objetividade e que todos os candidatos sejam tratados com total imparcialidade. Nessa etapa, ainda é necessário analisar alguns atributos importantes, como: 

  • a performance do funcionário; 
  • seus níveis de produtividade; 
  • suas principais qualificações; 
  • seu perfil comportamental.

Como estruturar esse tipo de recrutamento?

O recrutamento interno pode ser estruturado de diversas maneiras. Ainda assim, existem algumas etapas básicas e que são utilizadas pela maioria dos gestores de RH. Listamos quais são elas logo a seguir:

  • recrutamento digital, que consiste na divulgação da vaga por meio de comunicados internos (e-mail, avisos via WhatsApp etc.). É preciso sinalizar muito bem os pré-requisitos para a candidatura
  • inscrição dos candidatos; 
  • estudo de caso ou prova técnica; 
  • dinâmica em grupo, em caso de haver muitos candidatos disputando a posição;
  • entrevista com o gestor da área ou com o próprio RH; 
  • retorno do processo aos participantes. 

Desafios e vantagens

Existem várias vantagens ao realizar o recrutamento interno. Abaixo, expomos as principais delas: 

  • é uma oportunidade para motivar os funcionários; 
  • a empresa amplia a sua capacidade de fidelizar os melhores profissionais; 
  • é possível dar a chance de crescimento profissional; 
  • o modelo é ideal para quem deseja economizar com o recrutamento; 
  • promove-se uma integração maior do funcionário com os processos da organização.

Assim como todo processo seletivo, o recrutamento interno tem, sim, os seus desafios. Um deles é que o departamento de RH consiga analisar cuidadosamente o seu quadro de funcionários, a fim de definir se há candidatos capacitados e que possam gerar lucros para a organização. 

Já se quiser fazer com que o processo seja ainda mais certeiro, contar com uma consultoria de RH é a solução ideal, uma vez que esse tipo de serviço consegue preparar os profissionais de Recursos Humanos para selecionar os melhores funcionários e evitar perda de tempo ou de verba.

Gostou de entender o que é recrutamento interno e como esse modelo de seleção pode ser benéfico para uma empresa? Estamos na torcida!

Para continuar se aprofundando no assunto ou buscar apoio estratégico, aproveite e entre em contato com a Weseek. Será um prazer mostrar como nossos serviços vão ajudar a sua empresa a conquistar os melhores resultados!

Guia completo para a otimização de processos de recrutamento

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa