fbpx
rh data driven

RH data driven: como a cultura de dados pode beneficiar o setor

Ao longo do expediente, o RH precisa tomar uma série de decisões importantes, como quem contratar, treinar, demitir ou promover. Para tal fim, não basta contar com o achismo, é necessário construir um setor mais eficiente: o chamado RH data driven.

Pense no RH data driven como um setor orientado por dados, que busca coletar e analisar informações para melhorar a sua tomada de decisão diária e reduzir a margem de erro. Tais dados são decorrentes dos processos internos, profissionais e equipes, bem como do mercado.

Nos tópicos seguintes, explicamos como essa cultura de dados pode beneficiar o RH e garantir resultados mais consistentes ao longo do tempo. Portanto, continue a leitura!

Reduz o número de erros e problemas

Alguns erros cometidos pelo RH podem ser bastante danosos. Por exemplo, contratar a pessoa errada resulta em uma série de gastos e expõe a empresa a riscos. Infelizmente, na medida em que os dados são deixados de lado, o número de falhas tende a crescer.

O primeiro benefício do RH data driven é somar uma maior margem de segurança às escolhas diárias, garantindo que erros e problemas ocorram com menor frequência. Assim, o setor não terá que gastar o seu tempo e energia corrigindo erros indesejados e onerosos.

Aumenta a velocidade dos processos diários

Quando não há dados suficientes, os profissionais de RH podem se sentir inseguros e adiar decisões importantes, empurrando-as para outro dia. Isso resulta em menos produtividade e fomenta a procrastinação dos profissionais. Logo, não é algo saudável ou promissor.

Planilha de recrutamento

Felizmente, ao utilizar dados, o RH também pode decidir com mais velocidade, pois sabe que existem evidências que suportem a sua decisão. Desse modo, cria-se um RH ágil, capaz de aproveitar as melhores oportunidades e corrigir problemas com rapidez.

Promove uma gestão superior de pessoas

Como você pode ver, o RH data driven consegue decidir com precisão e velocidade. Isso tem outra vantagem: a melhor gestão de pessoas. Todos os talentos e equipes podem ser mais bem direcionados, e também podem experimentar mais bem-estar e satisfação.

Isso acontece porque o RH passa a ter dados (e aproveitá-los) para trabalhar. Pode decidir, por exemplo, sobre o melhor programa de treinamentos, a melhor cesta de benefícios e o profissional que mais merece uma promoção. Em outros termos, as pessoas são mais bem lideradas.

Aumenta a capacidade de predição

Em várias situações, o setor de RH precisa se antecipar para o futuro, como avaliar qual será a exigência de mão de obra para o próximo feriado ou quantos colaboradores irão se desligar no mês seguinte.

Felizmente, os dados somam um maior poder de predição, ajudando a evitar surpresas e a gerenciar os recursos. Eles permitem, ainda, que o RH identifique padrões no passado e os projetem para o futuro, avaliando as chances de um determinado evento ocorrer. Logo, as ações do RH tornam-se mais calculadas.

Note, então, que o RH data driven soma diversas vantagens, melhorando as práticas de gestão de pessoas. É importante destacar que, em última análise, essas vantagens também geram benefícios para o empreendimento, tornando-o mais sólido e competitivo.

Gostou do nosso artigo? Quer continuar aprendendo conosco? Então, aproveite para assinar a nossa newsletter e receber as novidades diretamente em seu e-mail. Vamos lá!

Guia completo para a otimização de processos de recrutamento

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa