fbpx

Transformação digital e o novo normal: como lidar com tudo isso?

É impressionante como a pandemia da COVID-19 potencializou uma tendência que já estava em curso na transformação digital. Voltando o tempo em alguns meses, nós líamos estudos que apontavam para cinco, e até dez anos, a consolidação do cenário empresarial que vemos atualmente. Sendo assim, o que seria o normal do futuro, tornou-se o cotidiano corporativo do presente.

Toda essa mudança repentina apresenta grandes desafios, em especial para os setores que lidam com pessoas, como o RH. Como essa área deve se posicionar diante da nova fase de transformação digital? Falaremos sobre isso nos próximos tópicos.

Qual é o papel do RH no novo normal?

O RH conquistou um papel de protagonista nas empresas nos últimos anos, e o cenário atual é o momento perfeito para demonstrar isso. Nessa fase, o RH serve como uma bússola que oferece uma direção para os colaboradores. É claro que esse setor também está sentindo os efeitos da fase atual.

Porém, a serenidade dos gestores tranquilizará todo o time. Algo que também ajudará é a tecnologia. Por meio dela, o RH pode estudar tendências, desenvolver habilidades na equipe, implantar estratégias e processos remodelados de acordo com o novo normal.

Como o RH pode lidar com o novo cenário digital?

Parece que a pandemia levantou a bandeira da disrupção em um mastro mais alto do que as empresas podiam imaginar.

Vale lembrar que a palavra disrupção significa a interrupção do curso normal de um processo. Ou seja, se, antes, esse termo se aplicava principalmente às inovações tecnológicas, agora, abrange o humano também.

No meio dessa nova realidade está o RH, que precisa guiar os colaboradores na rota do novo normal, ou seja, o cenário corporativo digital. Qual é o segredo para o sucesso? Daremos algumas dicas.

Planilha de recrutamento

Invista na análise de dados

A análise de dados é um processo que já estava implantado em muitas empresas. Para uma apuração mais precisa das informações, o RH se dispõe de aplicações virtuais baseadas na inteligência artificial, big data, business intelligence e machine learning. Todas essas tecnologias ajudam no estudo preditivo para a tomada de decisões.

Porém, com o novo cenário digital, é exigido do RH um esforço maior na realização de previsões em longo prazo. Essa análise mais imersiva permitirá a identificação de “esboços” ou contornos comportamentais do mercado, dos profissionais e de práticas que se projetarão em períodos posteriores.

Mantenha a comunicação ativa

O isolamento dos membros do time interno pode erguer uma barreira na comunicação — mas essa não é uma regra. Afinal, as ferramentas para interação e colaboração são verdadeiras pontes para a conexão de colaboradores, o andamento de demandas e projetos. Sendo assim, o home office não impedirá a produtividade das equipes.

Esse modelo de serviço é a nova realidade, e continuará assim nos próximos anos. Diante disso, esse é o momento de o RH propor, testar e adotar as tecnologias que permitam reuniões virtuais, conversas instantâneas entre profissionais e a realização de processos, como o de seleção e recrutamento e onboarding de funcionários, em tempo real — não importa a localização geográfica dos envolvidos.

Atualize-se

Inovação e atualização são as palavras de ouro do novo normal; e deve ser do RH também. Para isso, a cultura da inovação precisa fazer parte da identidade da empresa. Em especial, os gestores de RH têm a responsabilidade de incentivar a abertura interna para a aquisição de novas tecnologias, modelagem de processos e ideias dos colaboradores.

Quando o RH dá o exemplo nesse sentido, o restante da organização segue o mesmo ritmo. O resultado será um impacto menor nos períodos de mudanças repentinas, como o que vivemos agora, uma vez que a estrutura organizacional foi flexibilizada com constantes inovações e adaptações.

Enfim, o novo normal trouxe desafios, mas também grandes aprendizados. Sendo assim, a melhor maneira de lidar com as mudanças é se adaptando o mais rápido possível. Sem dúvida, é momento de se reinventar como profissional, setor ou empresa. Dessa forma, abraçaremos o futuro, em vez de correr dele.

O que achou do nosso artigo? Entendeu como o RH pode lidar com a transformação digital? Então, não perca os próximos conteúdos valiosos do nosso blog e assine a nossa newsletter!

Guia completo para a otimização de processos de recrutamento

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa